São Paulo deve inaugurar um trecho de ciclovia por semana

Ao menos um trecho deve ser inaugurado por semana. Foto :Milton Jung/Flickr
Ao menos um trecho deve ser inaugurado por semana.
Foto :Milton Jung/Flickr

O prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, anunciou a criação de 400 novos quilômetros de ciclovia na capital paulista. De acordo com o planejamento, ao menos um trecho deve ser inaugurado por semana. O investimento visa incentivar o uso da bicicleta como meio de transporte.

Conforme informado pelo jornal O Estado de S. Paulo, as autoridades municipais querem dar às ciclovias a mesma importância que as faixas exclusivas de ônibus tiveram no último ano. Em 2014 a gestão de Haddad inaugurou 400 km de corredores para o transporte público.

O prefeito informou que as mudanças que beneficiam os ônibus tiveram 84% de aprovação da população. Com as ciclovias, ele espera chegar à aprovação unânime. “São Paulo estava muito atrasada, só com 60 km [de ciclovias]. Qualquer cidade desenvolvida tem 400 ou 500 km de ciclovias. De novo, vamos colocar São Paulo na modernidade”, declarou Haddad.

As vias exclusivas para ciclistas devem seguir o padrão internacional, já aplicado na capital, com faixas exclusivas pintadas em vermelho. Na última semana pouco mais de um quilômetro de ciclovia foi inaugurado no canteiro central da avenida escola Politécnica, na zona oeste. Antes, já haviam sido inaugurado 2,1 quilômetros na avenida Eliseu de Almeida, na mesma região.

Antes que os motoristas reclamem de uma possível redução nas faixas para o tráfego de automóveis, o prefeito já esclarece que as ciclovias serão instaladas em espaços usados como estacionamentos. Portanto, a cidade deve ter menos vagas, mas o trânsito automotivo deve permanecer inalterado.

Para justificar as mudanças feitas em São Paulo, Haddad tomou como exemplo outras metrópoles mundiais em que a bicicleta tem espaço preferencial no trânsito e isso se reflete na escolha da população por seus modais. “Em Tóqio, 25% dos trajetos são feitos de bicicleta. Em Londres, 7%. Sabe quanto é em São Paulo? Menos de 1%”, esclareceu.

Para facilitar o planejamento e o acesso da informação à população, a prefeitura deverá lançar um portal com as rotas cicloviárias na cidade. A ferramenta pode incentivar ainda mais o uso da bicicleta como meio de transporte eficiente, seguro e rápido.

Redação CicloVivo

Fonte: ciclo vivo

Leave a Response