Rollemberg diz que servidores do GDF aprovados de forma fraudulenta serão demitidos

Horas depois de a Polícia Civil deflagrar a Operação Panoptes, que apura esquemas de fraudes em concursos públicos, muitos deles para órgãos locais, o governador Rodrigo Rollemberg disse que os servidores do GDF aprovados de forma fraudulenta serão exonerados. A declaração foi dada durante participação do chefe do Executivo local no programa CB.Poder, da TV Brasília, em parceria com o Correio.

“O mínimo que se pode esperar é que essas pessoas sejam não apenas demitidas, mas presas”, frisou o governador. Rollemberg também definiu a tentativa de fraudar as seleções públicas como uma “lesão muito grave”. “A gente sabe o tanto que as pessoas dedicam de tempo e de recursos para estudar para um concurso público e é um absurdo que esse processo seja burlado”, completou.

Na manhã desta segunda-feira (21/8), policiais da Delegacia de Repressão ao Crime Organizado (Deco) cumpriram quatro mandados de prisão preventiva de suspeitos de integrarem a organização criminosa, que planejavam a fraude e aliciavam candidatos.

O Centro de Seleção e de Promoção de Eventos (Cespe) foi investigado na ação. Com autorização judicial da Vara Criminal de Águas Claras, os policiais civis cumpriram mandado de busca e apreensão no órgão que integra a Fundação Universidade de Brasília. A suspeita é de irregularidades em concursos promovidos pelo Cespe pelo menos a partir de 2013, com a participação de funcionários.

Fonte: BlogCorreioBraziliense

Leave a Response